Revista Direito e Liberdade obtém conceito B1 pela Capes

A Revista Direito e Liberdade (RDL), da Escola da Magistratura do Rio Grande do Norte (ESMARN), conquistou a classificação B1 no conceito avaliado pela Comissão Qualis da Área de Direito, da Coordenadoria de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), do Ministério da Educação, de acordo com resultado preliminar divulgado nesta semana.

Trata-se de resultado alcançado em razão dos esforços dos autores, conselheiros, pareceristas, editores, leitores de provas e da Equipe Editorial, todos engajados no avanço dos debates jurídicos, possibilitando que o periódico alcançasse esse nível de qualificação científica.

Os critérios adotados, pela Capes, para avaliar os periódicos científicos consideram a qualidade e a confiabilidade dos artigos publicados, mediante alguns requisitos mínimos de exigência, tais como: exogenia (relação entre artigos publicados desta instituição e fora dela), composição do Conselho Editorial (pesquisadores das áreas do Direito e afins que avaliam os trabalhos submetidos), periodicidade de publicação, dupla avaliação cega por pares,números de artigos por volumes, dentre outros requisitos.

A RDL adota a periodicidade quadrimestral e publica artigos sobre os seguintes eixos temáticos: Desenvolvimento e Meio Ambiente; Cidadania e Processos Coletivos; Violência de Gênero; Produção e Aplicação do Direito e Teoria do Direito, Hermenêutica e Principiologia Jurídica.

O periódico adota fluxo contínuo para submissão de trabalhos inéditos, com previsão de publicação da próxima edição, número 1 do volume 19, para o dia 30 de abril no endereço eletrônico:http://www.esmarn.tjrn.jus.br/revistas/index.php/revista_direito_e_liberdade.