Conferência abre a 4ª Turma da Residência Judicial

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  Aconteceu na noite de ontem (20) no auditório da Escola da Magistratura do rio Grande do Norte a Conferência de Abertura da 4ª Turma do Programa de Residência Judicial, pós-graduação lato sensu, que pretende estimular a vocação dos alunos pela carreira da magistratura, oferecendo-lhes formação teórica e prática em ambiente forense.

  A aula foi ministrada pelo Professor Dr. João Maurício Adeodato, livre docente pela Faculdade de Direito da USP e pós-doutor pela Universidade de Mainz, que discorreu acerca das origens forenses da retórica: a construção do Direito pela linguagem. Adeodato agradeceu o convite e elogiou a estrutura da Escola “a Esmarn tem uma estrutura muito boa, e com capacidade para oferecer uma grande experiência para os alunos deste Programa”, pontuou.

  “O Professor Adeodato é um jurista bem atualizado e, além disso, é do Nordeste, conhece a realidade do judicial nordestino e pôde trazer essa visão mais regionalizada” justificou a Professora Helena Vila Nova, auxiliar da coordenação da Residência Judicial, que celebrou a formação de mais uma edição: “Essa turma vem com novo formato, agora com 50 vagas e algumas alterações significativas no Projeto Político Pedagógico como a seleção interna pro Módulo R2, onde apenas 40 alunos passarão para a etapa nas unidades judiciais”.

  Estiveram presentes na solenidade a Juíza Erika Paiva, representando o Des. Cláudio Santos Diretor da Esmarn, Juiz João Eduardo Ribeiro, representando o Des. Expedito Ferreira Presidente do Tribunal de Justiça, o Juiz Ricardo Tinoco, vice-coordenador do Programa que também representou a Magnífica Reitora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte Prof. Ângela Paiva, e ainda os Juízes membros do Colegiado do Programa, Dra. Patrícia Gondim, Dr. José Armando Ponte e Dr. Diego Cabral.